Verificar configuraes

O baixo crescimento do PIB brasileiro no primeiro semestre parece não ter afetado alguns setores da economia no que diz respeito à remuneração de seus executivos. É o que mostra o Estudo de remuneração da Michael Page que avaliou os rendimentos fixos e varáveis dos executivos do país. Apesar de todas as dificuldades e incertezas que a economia brasileira atravessou, alguns setores mantiveram suas operações aquecidas e as remunerações em alta. A pesquisa apontou que nas áreas de Engenharia, Seguros e Finanças, alguns cargos tiveram aumentos bastante significativos.

Os cargos que puxaram a fila foram: Controller (Finanças), Gerente Comercial (Seguros) e Gerente de SSMA e Gerente de Manutenção (Engenharia e Manufatura). Os maiores aumentos salariais foram de 14% para os cargos de Controller e Gerente Comercial enquanto que as profissões ligadas à engenharia tiveram 11% de aumento. Outras posições, como Gerente de Desenvolvimento Organizacional (RH), Advogado Contencioso (Jurídico), Ger. de Planejamento de Demanda (Suplly Chain) e Diretor Tributário (Finanças), mostraram queda salarial em relação ao estudo de 2012.

Segundo Paulo Pontes, presidente da Michael Page no Brasil, estes cargos tiveram aumentos expressivos devido aos gargalos dos setores, o que obrigou as empresas da área a investir e reter seus principais executivos. No entanto, por outro lado, o fraco desempenho da economia, fez com que as organizações realizassem substituições nas áreas técnicas, em que um profissional sênior foi substituído por outro mais júnior. Este fato fez com que as remunerações diminuíssem.

O Estudo de Remuneração da Michael Page foi realizado com 75 mil profissionais nos 10 escritórios da Michael Page pelo Brasil. No total, foram analisados 527 cargos nas 15 divisões de atuação da empresa. São elas: Finanças, Tributos, Bancos, Seguros, Jurídico, TI, Vendas, Marketing, Varejo, Saúde, Engenharia e Manufatura, Suplly Chain, Propriedade e Construção, Óleo e Gás e RH.

Bancos e Serviços Financeiros

Devido à crise mundial de 2008 que assombrou grandes potências econômicas, alguns setores da economia tiraram o pé do acelerador, afetando diretamente as remunerações dos seus executivos. O Mercado Financeiro foi um dos setores mais atingidos pela crise, e algumas economias como EUA e Europa estagnaram o pacote de remuneração dos profissionais do setor.

No Brasil, a situação é um pouco diferente. Segundo pesquisa global realizada pela Michael Page em janeiro de 2013, 71% dos profissionais do mercado financeiro receberam aumento de salário em 2012. Porém, os baixos resultados do PIB no primeiro trimestre, a redução do spread bancário dos bancos públicos e a variação cambial têm trazido um comportamento cada vez mais conservador às instituições financeiras que atuam no País.

“Temos notado que ao longo deste ano as empresas estão contratando com mais cautela, tendo uma preocupação maior com a qualidade dos executivos e a eficiência das operações. A tendência é que o pacote de remuneração fixa se mantenha estável, sem grandes ganhos nos próximos períodos quando falamos em remuneração variável”, afirma Pontes.

Seguros – Insurance

A consolidação de multinacionais de seguros e resseguros no país desde a abertura de mercado, aliada à entrada de novos players e à expansão regional dentro do Brasil, tornou o setor de seguros bastante atrativo ao longo do último ano, principalmente para profissionais com viés comercial ou com conhecimentos técnicos específicos no segmento, em função de suas peculiaridades operacionais e regulatórias, segundo release enviado ao Blog Sonho Seguro.

A instabilidade do mercado financeiro ao longo do último ano contribuiu também para a oxigenação do mercado de seguros, que está atraindo cada vez mais profissionais de outras áreas, dadas as oportunidades de carreira e salariais que este mercado tem oferecido. “Os grandes investimentos em infraestrutura na economia brasileira e a expansão de operações de grandes empresas também contribuíram para o aumento de arrecadação no mercado segurador brasileiro, valorizando assim profissionais com conhecimentos em grandes riscos e garantia”, diz.

Fonte Sonho Seguro
Fonte http://www.cqcs.com.br/

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.