Mulheres têm produção maior que homens na Porto Seguro

No dia internacional das mulheres, o Sincor-SP fez uma homenagem por intermédio das corretoras. A entidade reuniu cerca de 300 mulheres no Villa Country, um espaço de shows e eventos da cidade.

Alexandre Camilo, presidente do Sincor-SP, e a diretoria preparou uma tarde onde as corretoras pudessem ter um dia de congraçamento. Ele destacou que a mulher tem ganhado espaço de destaque junto ao consumidor e à instituição seguro seja nas seguradoras ou corretoras. “Cabe ao Sincor-SP exaltar o papel que a mulher vem cumprindo na sociedade e, principalmente, à corretora que ajuda a divulgar a proteção do seguro”, afirmou.

Boris Ber, vice-presidente da entidade, destacou que o bonito do evento, além da homenagem às mulheres, é o clima de congraçamento. “Corretor de seguros é a única profissão em que os concorrentes fazem confraternização, trocam informações, isso não acontece em outras profissões”, diz ele.

Simone Martins, vice-presidente do Sincor-SP, e única mulher na diretoria, destacou a importância da mulher no mercado segurador e seu orgulho em participar dele. “A mulher vem tendo um destaque no mercado de seguros. Fico lisonjeada por representar a mulher na executiva do Sincor-SP e me orgulho bastante de ser corretora”, destacou.

Raquel Gomes, da Comissão Feminina da entidade, afirmou que há uma busca diária pela igualdade de direitos e o reforço do papel da mulher no mercado de seguros.

Das corretoras presentes, muitas vieram de cidades do interior, das regionais do Sincor-SP, como Piracicaba, Ribeirão Preto, entre outras.

A mulher no mercado de trabalho

O presidente da Porto Seguro, Fábio Luchetti, esteve presente no evento falando sobre o potencial da mulher no mercado de seguros. Apresentando dados e estudos, ele disse que a mulher é o equilíbrio da família e da sociedade. “Há muito mais mulheres ativas na sociedade do que mostram as estatísticas”, afirmou.

Luchetti lembrou que hoje muitas mulheres deixam de trabalhar para cuidar dos filhos ou dos pais idosos. “Infelizmente vivemos em um país que não está preparado para proporcionar uma velhice amparada”, analisou. Ele citou ainda o fato de que a mídia, na maior parte das vezes, não contribui para desconstrução de estereótipos.

Para o presidente da Porto Seguro, a característica feminina de conciliar diversas áreas da vida é uma vantagem profissional para as mulheres. “Hoje as coisas acontecem ao mesmo tempo. Se hoje trabalhamos até os 60/65 anos de idade, viveremos até os 90 e precisaremos encontrar formas diferentes de trabalhar para ter nosso sustento”, disse.

Ele destacou ainda que as mulheres têm um viés mais ético e são mais confiáveis para negociar. Ele revelou ainda que na Porto Seguro, as corretoras tem uma produção 20% maior que os homens. “Isso não quer dizer que devemos pagar uma comissão maior a elas” brincou. Luchetti disse ainda que na seguradora que dirige, a maior taxa de renovação está com elas. Por isso, ele sugeriu que o Sincor-SP desenvolva um projeto especial que estimule a formação de um número maior de mulheres corretoras de seguros.

Fonte CQCS | Sueli Santos
Fonte https://www.cqcs.com.br/noticia/mulheres-tem-producao-maior-que-homens-na-porto-seguro/?utm_source=news-09-03-17&utm_medium=email&utm_campaign=cqcs&utm_source=Newsletter+CQCS&utm_campaign=2ab74af7d9-EMAIL_CAMPAIGN_2017_03_09&utm_medium=email&utm_term=0_a1ad0190c1-2ab74af7d9-15123961

Comments are closed.

ATENÇÃO

Este site NÃO tem NENHUMA relação com o serviço de consulta cadastral chamado CREDINFO POSTAL.

Enquanto este site, o www.credinfo.com.br, refere-se a um software de gestão para Correspondentes, o serviço CREDINFO POSTAL parece ser um serviço interno de consultas dos bancos, onde deve funcionar como um serviço de consulta cadastral, tipo o Serasa. Também ouvimos relatos que tal serviço chamado de CREDINFO POSTAL é consultado nas agências dos Correios.

Portanto se seu CPF foi negativo pelo CREDINFO POSTAL, procure o banco ou uma agência dos Correios e se informe sobre a origem desta negativação. Nós não temos condições de ajuda-lo, já que desconhecemos a origem deste serviço.

Então o site www.credinfo.com.br nunca foi um sistema de consulta cadastral e nem será. É apenas um site que oferece um software para download para correspondentes calcularem suas comissões de propostas.

É apenas uma coincidência dos nomes, enquanto este site chama-se Credinfo.com.br, o serviço de consulta cadastral, onde provavelmente negativou seu CPF, chama-se CREDINFO POSTAL.