Verificar configuraes

O homem foi detido na rua Tupinambás, e com ele apreendida a documentação adquirida na praça Sete
Um homem de 67 anos foi preso por crime de estelionato na noite desta terça-feira (19), no centro de Belo Horizonte. Mauro Geraldo Martins estava em uma financeira da rua Tupinambás, onde pretendia fazer um empréstimo de R$ 19 mil. Com ele foram apreendidos documentos de identidade e comprovantes falsos.

De acordo com a Polícia Militar (PM), o suspeito apresentou aos funcionários um RG com sua foto e em nome da vítima de 69 anos, mais um contracheque do Ipsemg. O comprovante de residência era uma conta da operadora de telefonia Vivo. Neste caso, a falsificação foi dupla, já que a vítima não é cliente da empresa.

Foi durante a checagem dos dados que a farsa foi descoberta. A gerência da financeira conseguiu contato por telefone fixo com a vítima e lhe informou que um empréstimo estava prestes a ser liberado em seu nome. O homem chegou ao local junto com a PM, que deteve Mauro em flagrante. Aos militares, o suspeito, que é aposentado, disse ter adquirido a documentação na praça Sete, de um homem chamado Steven, que teria lhe oferecido a oportunidade de ganhar dinheiro fácil.

Ainda conforme a PM, vítima e autor não se conheciam. Mauro, que não tem passagens por outros crimes, foi levado para a Central de Flagrantes (Ceflan), no bairro Floresta.

Fonte http://www.otempo.com.br – GUSTAVO LAMEIRA

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.