Banco Bonsucesso registra lucro de R$ 133,5 milhões em 2015

Paulo Henrique Pentagna Guimarães, presidente do Banco Bonsucesso

Resultado é o melhor na história do banco, que prevê investimentos para tornar o Bonsucesso um banco digital

O Banco Bonsucesso divulgou, nesta quarta-feira, 2, seu balanço relativo ao exercício de 2015. A instituição financeira registrou, no ano passado, o melhor resultado de sua história, com lucro líquido de R$ 133,5 milhões. O Patrimônio Líquido alcançou o volume a R$ 473,1 milhões; o total das captações atingiu R$1,45 bilhão; e os ativos totais chegaram a R$ 2,1 bilhões.

Para o presidente do Bonsucesso, Paulo Henrique Pentagna Guimarães, o resultado reforça o excelente momento que o banco atravessa. “Estamos capitalizados, com muita liquidez, atuando de forma conservadora no quesito empréstimos e investindo fortemente na nossa estrutura interna de TI, visando segmentos de mercado que podem ampliar nossas receitas de prestação de serviços. Estamos muito preparados para atravessar esse momento de instabilidade da economia”, afirma o presidente.

Após realizar a joint venture com o Banco Santander, em 2014, o Bonsucesso passou por um período de transição em 2015. Ao longo do ano, realizou as cessões das carteiras de crédito consignado e cartão de crédito consignado para o Bonsucesso Consignado (banco criado com a parceria entre as duas instituições), do qual é detentor de 40%.

As operações de crédito para pequenas e médias empresas encerraram o ano com um volume de R$ 273 milhões. O número reflete a atuação conservadora da instituição no segmento Middle Market. “Diminuímos nossa exposição, aumentamos nossas garantias e focamos em operações mais seguras para o banco. Esse movimento já vinha sendo feito desde 2014, momento no qual já vislumbrávamos a crise atual”, explica Paulo Henrique.

Para 2016, o Bonsucesso aposta em novos nichos de mercado que permitirão a instituição crescer suas receitas na oferta de serviços. “Ainda no primeiro semestre, vamos lançar nossa plataforma de Adquirência e nossa expectativa é mais do que dobrar as operações de recebíveis a partir de então”, diz o presidente.

Outro segmento no qual o banco vem investindo é a área de câmbio. Em 2015, a instituição reestruturou o setor, investiu em novos e experientes profissionais e ampliou a oferta de serviços para a transferência de recursos do exterior para o Brasil e vice-versa. “Como o Brasil ficou barato, este é um setor que tem crescido e temos feito boas operações”, explica o executivo.

Paulo Henrique considera que o ano de 2016 será difícil para a economia brasileira, mas tem olhado com bastante atenção para o mundo digital. “Acredito que o futuro é o banco digital e vamos investir para que o Bonsucesso caminhe nesta direção”, afirma.

Fonte http://www.executivosfinanceiros.com.br/financas/financasg/item/2412-banco-bonsucesso-registra-lucro-de-r$-133,5-milh%C3%B5es-em-2015.html

Comments are closed.

ATENÇÃO

Este site NÃO tem NENHUMA relação com o serviço de consulta cadastral chamado CREDINFO POSTAL.

Enquanto este site, o www.credinfo.com.br, refere-se a um software de gestão para Correspondentes, o serviço CREDINFO POSTAL parece ser um serviço interno de consultas dos bancos, onde deve funcionar como um serviço de consulta cadastral, tipo o Serasa. Também ouvimos relatos que tal serviço chamado de CREDINFO POSTAL é consultado nas agências dos Correios.

Portanto se seu CPF foi negativo pelo CREDINFO POSTAL, procure o banco ou uma agência dos Correios e se informe sobre a origem desta negativação. Nós não temos condições de ajuda-lo, já que desconhecemos a origem deste serviço.

Então o site www.credinfo.com.br nunca foi um sistema de consulta cadastral e nem será. É apenas um site que oferece um software para download para correspondentes calcularem suas comissões de propostas.

É apenas uma coincidência dos nomes, enquanto este site chama-se Credinfo.com.br, o serviço de consulta cadastral, onde provavelmente negativou seu CPF, chama-se CREDINFO POSTAL.